preso no elevador

Elevadores popularizaram-se a partir do século XX. Atualmente, boa parte dos edifícios — sejam eles residenciais ou comerciais — têm, pelo menos, um elevador. Desde que foi criada, essa tecnologia inovadora tem viabilizado a construção de prédios cada vez mais altos e oferecido mais comodidade a moradores e trabalhadores.

preso no elevador

Entretanto, elevadores não estão livres de riscos de incidentes. Pensando nisso, preparei este post sobre a importância da manutenção e o que deve ser feito caso alguém fique preso no elevador. Separei nos seguintes tópicos:

Se você está com alguma dessas dúvidas, não deixe de ler esse post. Vamos lá!

Como evitar que alguém fique preso no elevador?

A manutenção preventiva é de extrema importância para assegurar o bom funcionamento dos elevadores, antecipar possíveis problemas e evitar acidentes.

Outra medida de segurança que o condomínio pode adotar é fazer a inspeção de elevadores, que tem como principal objetivo verificar a qualidade da manutenção realizada e identificar possíveis falhas no processo. Ela pode ser pela própria empresa de manutenção ou por um profissional de consultoria em elevadores.

O uso adequado dos elevadores também é essencial para evitar problemas. Portanto, é muito importante fixar dentro dos equipamentos um aviso que informe o número máximo de pessoas e o limite de peso que ele suporta.

Além de evitar possíveis incidentes, essas práticas colaboram para aumentar a vida útil dos elevadores e, consequentemente, diminuir gastos com reparos ou com a substituição dos equipamentos.

Quem pode fazer resgate em elevadores?

Estão capacitados para realizar o resgate de passageiros em elevadores apenas o Corpo de Bombeiros e a empresa de Manutenção de elevadores do edifício. É proibido que síndicos ou zeladores realizem esse procedimento, uma vez que o risco de acidente é alto.

O que fazer caso alguém fique preso no elevador?

Todas as precauções devem ser tomadas para que incidentes nunca ocorram. Mas caso eles venham a acontecer, é preciso saber o que fazer. Continue a leitura a confira algumas dicas.

Não entre em pânico

Assim como em qualquer circunstância delicada, é fundamental que tanto o síndico como as pessoas presas no elevador não entrem em pânico. Para isso, é preciso que todos tenham sido preparados para enfrentar esse tipo de situação — isso vai colaborar para que as chances de sucesso no resgate sejam maiores.

São boas práticas realizar palestras sobre o assunto e fixar nos elevadores algumas orientações sobre como proceder durante esse evento.

Muitos não sabem, mas é obrigatório que o elevador tenha entradas de ar, então é um mito que o ar dentro do elevador irá acabar. Se as pessoas estiverem sentindo falta de ar, o melhor a se fazer é evitar falar muito.

Não tente forçar a porta

Muitos passageiros ao ficarem presos tentam forçar a abertura da porta do elevador. Essa é, sem dúvidas, a pior coisa que pode tentar fazer, já que o risco de acidentes é muito alto.

Nesse momento o ideal é utilizar o alarme e o interfone do elevador. Tentar se comunicar pelo celular também é interessante, se tiver sinal.

Chame o Corpo de Bombeiros

É muito importante saber quem deve ser acionado caso alguém fique preso no elevador. É comum que porteiros e zeladores — movidos pela emoção ou até mesmo pelo despreparo — tentem fazer o resgate.

Esse procedimento é muito arriscado e deve ser realizado por profissionais especializados, como os bombeiros. Síndicos e funcionários devem apenas manter a comunicação com as pessoas presas, para mantê-las calmas e cientes dos procedimentos que estão sendo adotados.

Interdite o elevador

O elevador deve ser interditado imediatamente após o resgate das pessoas que ficaram presas. As portas de acesso ao elevador em todos os andares devem ser trancadas, evitando acidentes. Isso deve ser mantido até que todos os problemas tenham sido identificados e resolvidos.

Descubra as causas do incidente

Para que o elevador volte a operar com segurança, é preciso descobrir as causas do incidente e corrigir as falhas.

Você pode acionar a empresa responsável pela manutenção do elevador ou contratar uma empresa especializada em realizar perícias para esclarecer acidentes envolvendo esse equipamento.

Ficar preso no elevador pode dar processo?

Sim. Dependendo do tempo de espera para realizar o resgate e se for comprovada a negligência no atendimento da empresa de manutenção dos elevadores do edifício, as pessoas presas no elevador podem ter ganhos de causa.

Existem, inclusive, alguns ganhos de causa de pessoas presas no elevador.

Conclusão

Como você viu, além de adotar medidas preventivas, é preciso que o síndico, os funcionários e todos os usuários do edifício estejam preparados para agir da forma adequada em caso de incidentes, como ficar preso no elevador. Coloque nossas dicas em prática para garantir a segurança e o conforto que os elevadores podem proporcionar aos usuários.

Gostou do conteúdo? Aproveite a visita e leia também o nosso post “Elevador é seguro? Confira o comparativo com outros meios de transportes”!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This